Seguidores

terça-feira, 17 de maio de 2011

Alinhamento do terreno

Foto do blog: http://prefeiturasd.blogspot.com/2010_02_01_archive.html

Fomos informados que depois de conseguir a regularização do terreno, o primeiro passo é verificar onde está o terreno. O alinhamento dele e os seus limites com os vizinhos. Caso haja algum problema de invasão de terreno alheio, a dor de cabeça pode ser enoooorme... uma terrível enxaqueca.
Então dei inicio a minha leiga pesquisa pela internet.
Aprendi que esse serviço pode ser feito por um topógrafo, mas o que eu consultei me cobrou R$ 300,00 pelo serviço. Como sou plebéia, dei continuidade as minhas pesquisas.
Fui no CREA e um engenheiro solicitou que eu fosse a prefeitura para pedir a planta da quadra, que ele faria o serviço, porém não disse se cobraria ou quanto cobraria. Pediu apenas para que eu conseguisse o documento e entrasse em contato com ele novamente.
Fui eu lá pra prefeitura, em dia de chuva, com minha bebê no colo e aproveitei para deixar um requerimento de pavimentação junto a Secretaria de Obras e Urbanismo.
Chegando no setor competente, solicitei ao atendente a cópia da planta da quadra. Ele foi logo me informando que a prefeitura não fornecia a copia da quadra. Então eu questionei como eu saberia onde começava e terminava o meu terreno, visto que não tenho ainda nenhum vizinho e a quadra não tem marcações. Depois de explicar que eu queria murar meu terreno, mas com a certeza de que eu não estava fazendo caca, ele me pediu o IPTU e eu entreguei o boleto do ITBI que estava ainda por pagar.
Ele prontamente achou uma pasta em uma das muitas gavetas na sala e disse que poderia me mostrar. Vi rapidamente a planta, sem poder decorar ou anotar muito, mas depois da visão que tive, me vieram muitas e muitas dúvidas. Com a minha bebê fazendo toda a pirraça possível, fui-me embora e lá deixei o meu guarda-chuva.
Liguei para meu marido para que ele passasse na prefeitura para ver se encontrava o meu guarda-chuvas e, apesar de ter realmente perdido meu lindo, maravilhoso e gigantesco guarda-chuva, meu marido insistiu mais uma vez pela cópia da planta da quadra e conseguiu parte da planta, com muito custo e má vontade.
Quando ele chegou em casa, me deu primeiro uma má noticia: eu havia mesmo perdido o meu lindo guarda-chuva. Depois ele me deu meia boa noticia: havia conseguido cópia de parte da planta da quadra. Depois constatamos algo assustador: Compramos o terreno errado!! Sim, havíamos escolhido o lote da direita e compramos o da esquerda. A diferença não é grande, mas já pensou se eu construisse no terreno errado???

No feirão da casa própria, fomos informados que a prefeitura faria o serviço de demarcação do lote depois que já estivesse no nosso nome. Nós teríamos que fazer a solicitação. Agora estamos tentando conseguir um tempo para ir até a prefeitura descobrir como se solicita isso para então pedir que alguém o faça.

Vivendo e aprendendo!

2 comentários:

  1. EITA, É COMPLICADO MESMO ESSAS COISAS, AINDA NAUM MEXI NO TERRENO PARA COMEÇAR A CONSTRUÇÃO, AMIS TEMOS QUE VER MESMO QUAL É O NOSSO, POIS VAI QUE ELES MARCARAM ERRADO, TEM QUE SER ESPERTA NESSAS HORAS...

    FICO CHATEADA POR VC TER PERDIDO SEU GUARDA CHUVAS... MAIS AINDA BEM NÉ.... PORQUE SENÃO O SEU MARIDO NAUM TERIA CONSEGUIDO UMA PARTE DA PLANTA DO TERRENO.

    ADOREI SUA VISITA NO MEU BLOG, ESPERO SEMPRE TER SUA OPINIÃO POR LÁ, SERÁ MUITO IMPORTANTE PRA MIM!!

    MEU TERRENO É (11X25).

    MINHA CASA TERÁ 120 METROS, DEPOIS VOU FAZER POR FORA A GARAGEM E A AREA DE LAZER (RECANTO DO HEROI HEHEHE).

    QUALQUER DUVIDA É SÓ CHAMAR!!

    BEIJOKAS....

    ResponderExcluir
  2. Quanta má vontade por parte desses servidores públicos!! O pior é que os salários saem dos nossos bolsos!! Bjs

    ResponderExcluir

Siga pelo seu Email